Coletivo Caboré Audiovisual lança curta com temática LGB na UFRN com entrada gratuita.

Acontece nesta quinta-feira, 1º de junho, o pré-lançamento do curta-metragem “No Fim de Tudo”, mais uma produção assinada pelo frutífero Coletivo Caboré Audiovisual. O evento, gratuito, acontecerá a partir das 19h no auditório do NEPSA da UFRN, e contará com a exibição do curta, do making of e ainda terá um bate-papo com a equipe realizadora.

Via | Blog Polytheama

Foto: Pedro Medeiros/REPRODUÇÃO

Com roteiro de Hélio Ronyvon e Victor Ciriaco o filme, dirigido por Victor, lança luz sobre a relação de uma mãe, Laurinda, e seu filho, Josy, e “as últimas tardes que marcam o último estágio de uma relação”, diz a sinopse. A personagem Josy lutou toda a vida pela aceitação de sua mãe Laurinda. A narrativa vai revelar de que forma a doença degenerativa de Laurinda, com todas as suas nuances, vai promover esse quase improvável estreitamento de laços.

Victor revela que o roteiro é formado a partir de experiências pessoais que o ajudaram a compor a relação de Josy e Laurinda. “Junto a Helio Ronyvon no roteiro, consegui sintetizar o que queria sobre a relação de LGBT’s com suas famílias, um ponto que muitas vezes pode ser delicado. Agregamos a isso sonhos, anseios e feridas que tendem a ficar escondidas”, disse.

Produzido por uma equipe de peso, o projeto repete uma parceria que já provou ser bem produtiva. Hélio e Victor levaram os prêmios de melhor documentário, melhor direção e melhor roteiro por “Abraço de Maré”, na 6ª edição do Curta Taquary, (PE), em 2013, e ainda o de melhor media-metragem na Mostra de Cinema e Direitos Humanos do Mundo em 2016.

O elenco de “No Fim de Tudo” traz Silvero Pereira, atualmente no ar como o mordomo Nonato na novela “A Força do querer” da Rede Globo, na pele de Josy Proença Meneghel e Arly Arnaud, que integrou o elenco do filme “Aquarius”, como sua mãe, Laurinda.

“No Fim de Tudo” é uma coprodução do Coletivo Caboré e da Mangue Filmes. O filme foi contemplado pelo edital Cine Natal 2014 e gravado no município de Santa Cruz (RN) em dezembro de 2016, com recursos oriundos da Prefeitura do Natal, Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul, (BRDE), Ancine e Fundo Setorial do Audiovisual (FSA).

Confira o trailer da obra:

SERVIÇO:

O quê? Pré-Lançamento do Curta “No Fim de Tudo” – Edital Cine Natal 2014
Quando? Quinta-feira, 1/06/2017
Onde? Auditório do NEPSA/UFRN
Horário? 19h (abertura) / 19h30 (inicio da cerimonia)

Entrada Gratuita

Publicado em ARTE, CINEMA, TRANGÊNERO, TRANSEXUAL, VÍDEO | Deixe um comentário

Perfil no Facebook ameaça gays de morte e choca a internet.

Imagem: Reprodução/Facebook

O perfil de um homofóbico, do estado de Minas Gerais, incita ao ódio contra LGBTs e causa pavor no facebook.

A onda conservadora que assola o mundo ameaça todas as conquistas de liberdade e dos direitos conquistados ao logo de décadas. Particularmente no Brasil esse fenômeno está ganhando cada vez mais visibilidade através, e voz, na internet e nas suas inúmeras redes sociais.

Na manhã de hoje (30/05/17) recebemos prints de um perfil no facebook onde a morte aos gays é abertamente defendida como uma “cura ao homossexualismo” (SIC).

Não se sabe ao certo se o perfil do Alexsando Trity é só mais um fake ou um perfil verdadeiro, mas o conteúdo de seu avatar, bem como suas postagens pregam o ódio à comunidade gay e isso não pode ficar impune.

Na imagem do avatar fala em “cura para homossexualismo (SIC) e, ainda, três balas como sendo três doses para a ‘cura‘. Ha ainda ameaça a qualquer militante dos direitos humanos.

https://www.facebook.com/alexsandro.trity.5

Print do perfil do Alexsandro Trity no Facebook – REPRODUÇÃO

Homofobia tem cura: EDUCAÇÃO E CRIMINALIZAÇÃO!

Publicado em HOMOFOBIA, MACHISMO, VIOLÊNCIA | Deixe um comentário

A COEPIR realizará o II Seminário Pacto pela Alfabetização dos Povos Tradicionais no RN.

“Educar para emancipar o indivíduo”. Este é o lema da SEEC-RN que, através da COEPPIR, e em parceria com a SEJUC-RN, promoverá o seminário afim de discutir a alfabetização dos povos tradicionais no estado do Rio Grande do Norte.

Imagem: Reprodução/INTERNET

O Evento está sendo organizado pela Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC) em parceria com a Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania (SEJUC), por intermédio da Coordenadoria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (COEPPIR), e tem como objetivo principal levar o debate sobre o acesso à educação aos povos e comunidades tradicionais (indígenas, ciganos, quilombolas e de matriz africana).

O Seminário ocorrerá no dia 02/06 (sexta-feira) na Escola de Governo (no Centro Administrativo do Estado) a partir das 8h até às 17h.

Segue o evento do seminário no FACEBOOK 

Publicado em DIREITOS HUMANOS, EDUCAÇÃO, POLÍTICA, SOCIEDADE | Deixe um comentário